Não importa o custo, o esforço ou o sacrifício; não se esqueça de que o Caminho existe, de que o Objetivo é atingível e está além de tudo o que você possa imaginar ou conceber agora; de que qualquer preço que tenha sido pago por sua obtenção parece insignificante quando ele é obtido; de que essa é a libertação final da escravidão dos grilhões da matéria e do sofrimento com ela relacionado. A sua obtenção é o serviço e o bem supremos que você pdoe prestar a seus irmãos atados nas correntes de Maia - Mouni Sadhu

Breve relato de Durval Duarte

Eu queria saber da verdade. Só da verdade, e mais nada. Estava cansado de todo o mundo, mas não de seus tesouros. Estava cansado de mim mesmo, mas não da minha busca. Não sabia o que iria encontrar. Mas aquela busca, por si só, me alimentava. Me trazia ares novos. Me dava fôlego. E eu seguia em frente. Estava pronto para "o que der e vier". Mal sabia que estava pronto a morrer.

(...) Veio-me de repente, e me roubou todas as palavras. Calou a minha boca e abriu todo o coração. E está ainda aqui, presente, infinita, viva! Por vezes caímos em choro, e sentimos o calor de seu colo, do seu consolo. Sou a própria gratidão, o próprio amor, felicidade e humildade. E ficamos em paz com tudo o que há. Tornastes a minha melhor companhia, e o meu segredo. Guardo-lhe quando estou aos olhos dos invejosos, e falo de ti para aqueles que se mostram humildes. O amor transborda nos olhos, a humildade opera em todas as partes. O choro é de gratidão, felicidade e compaixão. Mudastes tudo em meu coração, e hoje não preciso de mais nada. (é preciso compreender que não és nada, para saber que és Tudo) De outro jeito, não há como.

Durval Duarte
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Quem já sentiu o Espírito Supremo não pode confundi-LO com nada, esquecê-LO ou negar SUA existência. Ó Mundo, se recusares a reconhecer SUA existência com voz unânime, irei abandoná-lo e ainda preservar a minha fé".

"A percepção do desconhecido é a mais fascinante das experiências. O homem que não tem os olhos abertos para o misterioso passará pela vida sem ver nada." - Albert Einstein

"Enfim, podemos continuar acreditando que somos criaturas localizadas, isoladas e condenadas, confinadas ao tempo e ao corpo, e separadas de todos os outros seres humanos. Ou então abrimos os olhos para a nossa NATUREZA IMPESSOAL e ONIPRESENTE e para a MENTE UNA da qual fazemos parte. Se escolhermos a primeira alternativa, nada nos salvará. Se porém, resolvermos despertar para este divino EU, estaremos frente a frente com um novo alvorecer." - Larry Dossey